Callcenter.inf.br - O Nº 1 em Relacionamento com Clientes no Brasil RH Na contramão do desemprego VGX Contact Center amplia em 27% o quadro de colaboradores em 2017
Enquanto o país fechou novembro com um saldo negativo de 12.292 postos de trabalho, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, o setor de call center pode ser uma aposta para quem procura uma oportunidade no mercado. A mineira VGX Contact Center, por exemplo, ampliou em 27% o quadro de colaboradores em 2017 e planeja expansão, podendo chegar a mais de 5.000 funcionários até o fim de 2018.  "Temos um planejamento de crescimento e, com os bons resultados em 2017, queremos mais pessoas integrando o time, agregando", afirma o CEO da VGX, Victor Felipe Oliveira.

Segundo ele, o setor de call center é, ainda, um atrativo para pessoas que estão começando a carreira, mas há também possibilidades de cargo pleno e sênior. "Os jovens brasileiros foram muito afetados pelo desemprego nos últimos anos. O dinamismo que uma empresa de telemarketing oferece pode ser muito interessante para quem está começando", destaca Oliveira. "É claro que ainda há possibilidade de crescimento. É fundamental investir em novos talentos", completa o empresário, destacando que 85% dos colaboradores têm até 24 anos.

A GRUBE & ASSOCIADOS NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS ARTIGOS ASSINADOS E PERMITE A REPRODUÇÃO DOS TEXTOS PUBLICADOS DESDE QUE MENCIONADA A FONTE E COM AUTORIZAÇÃO DA MESMA.

http://callcenter.inf.br/