Insight vira estratégia personalizada
Atento utiliza IA da Microsoft para análise do atendimento por telefone 17/07/2017 03:15
» Luis Ricardo Ferreira
A Atento firmou parceria com a Microsoft Brasil para uso de Inteligência Artificial na análise de atendimentos por telefone. O projeto busca aumentar os níveis de compreensão sobre o perfil e comportamento do consumidor para que seja possível traçar estratégias de relacionamento mais assertivas.

Na prática, a solução baseia-se em serviços cognitivos na nuvem da Microsoft, o Azure, e utiliza um recurso de transcrição de voz, que permite compreender o conteúdo da conversa e, a partir dele, obter dados que possibilitem insights de negócio. O Speech Analytics permite analisar aspectos como motivo do contato, sentimento do cliente, entre outros elementos.

Na fase inicial do projeto, a Atento analisou uma média de 10 milhões de chamadas de voz por mês, o equivalente a 50 milhões de minutos por mês ou uma chamada telefônica de 95 anos de duração. Este volume é 350% maior do que a empresa tinha capacidade de analisar antes da adoção da Inteligência Artificial da Microsoft.

"Esse projeto faz parte da etapa estrutural do nosso plano de inovação e transformação digital. Estamos investindo em importantes parcerias para intensificar o uso de ferramentas digitais e inteligência artificial. Para as empresas que utilizam a Atento como parceiro na gestão de seus canais de relacionamento, este projeto com a Microsoft se traduz em algo cada vez mais crucial: a extração de insights de negócio que baseiem estratégias personalizadas", afirma Luis Ricardo Ferreira, vice-presidente de negócios da Atento.
 
Além de oferecer um atendimento mais assertivo, o uso da Inteligência Artificial da Microsoft na análise das chamadas de voz visa ajudar a Atento a identificar pontos de melhoria no processo de atendimento, na capacitação dos atendentes e na automação de tarefas que possam agilizar o contato com o consumidor. A solução também vai permitir que a Atento se antecipe ao cliente com ofertas e abordagens mais apropriadas às suas preferências. "Nesse projeto com a Atento, temos a oportunidade de ver a IA ampliando a capacidade de oferecer um atendimento mais assertivo, beneficiando milhares de consumidores", afirma Maurício Azevedo, vice-presidente comercial da Microsoft Brasil.
 
PRÓXIMO PASSO
Essa grande base de conhecimento gerada para a Atento pela tecnologia da Microsoft já está sendo utilizada em uma segunda fase do projeto, que consiste na captura das melhores abordagens de atendimento e sua aplicação a assistentes virtuais (bots ou robôs). Eles são capazes de realizar o atendimento ao cliente de maneira 100% automatizada, com mais rapidez e qualidade em interações utilizando linguagem natural. A Atento já tem adotado bots em processos internos, como o atendimento no service desk para funcionários. Em menos de um ano, foi possível ampliar em 5% a capacidade de resolução dos chamados com o bot. Até o fim de 2017, a expectativa é que o índice de eficiência no atendimento por bots alcance mais de 20%.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
 
http://callcenter.inf.br/