| Terça-Feira - 25/07/2017
Pesquisar: busca:
Sem medo de automatizar
Metade dos líderes globais acredita que tecnologia aumentará força de trabalho humano ao invés de substituir 28/06/2017 12:38
Empresas devem adotar a automação inteligente nos próximos três anos caso queiram se diferenciar pela inovação. Essa é uma das conclusões de uma pesquisa global encomendada pela Avanade. O levantamento, realizado com 400 executivos C-Level e 400 tomadores de decisão em TI, indica que 31% das organizações já estão usando automação inteligente e a previsão é que, até 2020, o dobro das empresas adote esta tecnologia. Para 86% dos líderes empresariais globais acreditam que sua organização deve implantar a automação inteligente nos próximos cinco anos para tornarem-se líderes em seus setores.

O estudo aponta ainda que metade dos líderes globais, ao contrário do senso comum, acredita que a automação inteligente aumentará a força de trabalho humano, ao invés de substituir empregos. Para 43% dos executivos, a automação inteligente possibilitará que mais trabalhadores estejam disponíveis para concentrar em tarefas complexas e, sobretudo, em inovação. "Os líderes reconhecem o potencial de automação inteligente para acelerar a produtividade, gerando mais valor nos dados e informações, e liberando o funcionário de tarefas repetitivas para se concentrar em atividades que exigem intervenção humana e/ou valor agregado, como a inovação", comenta Rodrigo Caserta, Country Manager da Avanade Brasil.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
 
http://callcenter.inf.br/