Quando o estratégico e o digital se encontram
Esses dois mundos, juntos, trazem resultados ao RH que, isoladamente, não seriam capazes 10/08/2018 10:03
Autor: Maicon Bertin

Em uma discussão recente sobre as novidades e os desafios trazidos pela transformação digital no RH, um velho conhecido dos profissionais do setor entrou em pauta na conversa, o RH Estratégico. Recordo-me com grande clareza o comentário instantâneo exclamado por um executivo da mesa sobre isso: "Falar de RH Estratégico é coisa de dinossauro! Esse assunto já é passado!", disse ele.

É bem verdade que nos últimos anos este tema foi exaustivamente discutido. Para muitas empresas e profissionais, o chamado RH Estratégico já foi implementado com sucesso, sendo tratado quase que como uma commodity. Ele já não é alvo do interesse do público de RH nas atuais rodas de discussão, diferentemente da transformação digital, que é um assunto ainda muito novo, repleto de mistérios, desafios e imediatamente necessário na pauta diária do profissional desta área.

Mas afinal, por que, invariavelmente, precisamos voltar a falar do RH Estratégico em tempos de transformação digital? 

Apesar de commodity para alguns, o projeto do RH Estratégico ainda está esperando para sair do papel e tornar-se realidade. Para não ficar sozinho, apenas agora ganhou um novo amigo: mais um projeto chamado RH Digital.

O ponto é que, esses dois mundos, Estratégico e Digital na verdade são apenas um, no qual um não existe sem o outro. Eles interagem, se complementam e, juntos, trazem resultados que, isoladamente, não seriam capazes de atingir. 

Para quem já está acostumado com o Estratégico, a boa notícia é que o Digital só tem a potencializá-lo, por meio de processos mais ágeis, em escala, com maior eficiência e subsidiando movimentações e decisões cada vez mais assertivas. Assim, temos um RH com ainda mais relevância e papel efetivo para a continuidade e crescimento dos negócios e que também é capaz de engajar as pessoas ao longo de todo esse processo. 

Para quem ainda não chegou lá, a boa notícia é que o Digital é o primeiro passo e também é caminho natural para atingir este objetivo. É claro que outras ações serão necessárias, mas ao passo que um projeto de Digitalização do RH avança, naturalmente, o nível de maturidade da área vai sendo conduzido em direção ao patamar estratégico, trazendo para a organização todos os benefícios que sabemos que este patamar nos traz. 

Então fica a pergunta: você está preparado para finalmente ter um RH Estratégico ou para ser ainda mais estratégico do que já é?

Maicon Bertin é head de soluções em RH da Benner.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
 
http://callcenter.inf.br/